Olho na previdência senhores!!! - BLOG DO HALK

sábado, 6 de agosto de 2016

Olho na previdência senhores!!!




Militares inciam ofensiva para escapar da reforma da Previdência

Hoje, muitos se aposentam com menos de 50 anos 





Soldados brasileiros em exercício militar em Brasília: Forças Armadas inciam ofensiva para ficar de fora da reforma da Previdência - Eraldo Peres/AP/22-7-2016
BRASÍLIA - Os comandantes das Forças Armadas iniciaram uma ofensiva para mostrar que a carreira dos militares é diferente dos demais trabalhadores, na tentativa de evitar mudanças no regime de aposentadoria. Sob o argumento de que todos são iguais perante a lei, o governo pretende incluir a categoria na proposta de reforma da Previdência, que prevê idade mínima de 65 anos para aposentadoria. Na carreira militar, é possível ir para a reserva depois de 30 anos de serviço, o que faz com que muitos vão para a inatividade com menos de 50 anos, principalmente em patentes intermediárias.
Em entrevista ao GLOBO, o comandante da Marinha, almirante Eduardo Bacellar Leal Ferreira, disse que os salários nas Forças Armadas são relativamente baixos, mas que os militares têm como recompensa a proteção social. Ele alertou que a medida pode acarretar perda de atratividade na carreira — o que geraria dificuldades para formar quadros preparados nas Forças.




— É importante que haja um sistema de proteção. Se a gente começar a destruir as carreiras, desmotivar com uma política de não valorização, vamos ter dificuldade para atrair gente boa. Graças a Deus, o número de candidatos é maior do que a gente precisa — disse o comandante, acrescentando que o regime dos militares brasileiros são semelhantes aos vigentes nas Forças Armadas de outros países.Ele disse considerar apropriado o tempo de serviço de 30 anos para requerer a reserva e que as Forças, por natureza, dependem de militares mais jovens, em boas condições físicas. Segundo o almirante, o custo do regime de aposentadoria dos militares deve ser um arcado pela sociedade:
— São as sociedades que pagam seus militares depois que eles prestam seus serviços — destacou.

ATÉ 15 ANOS EMBARCADOS EM NAVIOS
O almirante mencionou ainda que a carreira militar exige sacrifícios, como dedicação exclusiva e muitas horas de serviço, inclusive em feriados e fins de semana, sem ganhos adicionais. Lembrou ainda que no caso da Marinha, os militares chegam a passar até 15 anos embarcados em navios. Além disso, observou, os militares (oficiais) são transferidos com frequência e escalados para missões especiais dentro do país, como a Olimpíada e fora do Brasil.

10 comentários:

  1. A justificativa de por o militar brasileiros na reforma da previdência, alegando que todos são iguais perante a lei? MENTIRA! N´S MILITARES SOMOS REGIDOS POR LEIS PRÓPRIAS! A DEMOCRACIA AINDA NÃO CHEGOU PARA NÓS! SOMOS ESCRAVOS LEGALIZADOS! QUE PROTEGEM O COMUNISMO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oficias tem todos os direitos do mundo. As praças = soldado a subtenente só DEVERES!!!

      Excluir
    2. Devia ter estudado ao invés de ficar reclamando da vida na internet.

      Excluir
  2. É, mas isso ocorre de forma peculiar na Marinha do Brasil e não em todas as carreiras militares ou nas forças auxiliares. Pois, caso as forças auxiliares tivessem em tese a mesma atribuição da Marinha, que por sinal trabalha muito, não lhes restando tempo para 'fofocas' ou coisas do gênero; como ocorre nas auxiliares, onde a ociosidade e fofoca reinam. Pronta falei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Maranhão, se você é um cidadão de bem, sabe muito bem que a alegação da reforma da previdência é uma forma de tapar o sol com peneira! Isto é, de mascarar a incompetência da má gestão pública! Você deve saber que nossa pátria é a que mais paga imposto no mundo!Você sabe também que no Brasil Uma classe trabalha para segurar um pequeno grupo que não abre mão dos seus benefícios!Ou você viu algum parlamentar abrir mão de verba de gabinete, etc...?Se você é cidadão de bem, você sabe que todas as instituições tem sua importância! Se você é do bem, você sabe que o bandido é o menor dos problemas da policia brasileiras! Pasme! É isso mesmo! O nosso maior problema Maranhão é ter que dar a vida por pessoas como você que não sabe o valor das instituições, dos professores, das polícias, dos bombeiros, dos médicos, das ffaa. fica iludido com governos que não sabem administrar os recursos de um povo que padece numa guerra urbana! É ter que arriscar a vida para interceptar sequestro relâmpago, resgatar a vítima do bandido, e pasme ser denunciado pela própria vítima do bandido, por se tratar de defensora dos direitos de bandidos, digo,humanos!ÀS armadilhas da justiça, da sociedade que já tem o vírus da corrupção herdada desde da colonização do Brasil! Caro Maranhão, estudei em Serviço Social Que se os governantes brasileiros quisessem governar para o povo, tirariam recursos de outras áreas. A carga tributária é muito alta! não podemos penalizar ainda mais o trabalhador !

      Excluir
    2. E tem mais Maranhão, as forças auxiliares não ficam ociosas! trabalha em RP na Ceilândia e no Sol Nascente a cobra fuma! não fico na ociosidade! Aqui tem o que fazer! É assalto e crime atrás um do outro!Já cheguei a pegar quatro ocorrências de uma vez! Respeite as forças auxiliares!

      Excluir
  3. Estes políticos são tão embromadores que falam que todos são iguais perante a lei,quando os convém,mas eles e os magistrados estão fora dessa lei que dizem que todos são iguais!

    ResponderExcluir
  4. Esse era o único benéfico que ainda tínhamos. Se acabar tem que desmilitarizar.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa ser interpretado como crime militar ou comum. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial