terça-feira, 7 de junho de 2011

Resumo da reunião com Sec. de Seg. realizada Hoje(07/06) segundo o ST Ricardo Pato.

Amigos policiais e bombeiros militares, como me comprometi de levar as informações de todos os assuntos que envolvem nossa categoria sempre em primeira mão, para que ninguém deixe de saber o que está sendo negociado com o governo que venha beneficiar nossas duas corporações, venho mais uma vez através deste veículo de comunicação deixá-los cientes do teor da reunião que aconteceu nesta manhã com o novo secretário de segurança, o senhor Sandro Avelar, delegado da polícia federal, realizada na secretaria de segurança.

Na ocasião todos os presidentes de associações e classes representativas da categoria se apresentaram ao novo secretário, logo em seguida fazendo uso da palavra o senhor coronel Brambila coordenador do forúm das associações informou ao secretário a indignação dos presidentes das associações sobre o descaso que estão tendo com eles, pois até o momento não têem informações sobre o teor do projeto da reestruturação e se quer foram chamados para discurem o projeto da reestruturação, que foi encaminhada esta secretaria pelo deputado Patrício, para que seja análisada e encaminhada ao governo federal para que aceite como medida provisório ou encaminhe ao congresso nacional como projeto de lei e aliado a isso, o nosso percentual de reajuste salarial para o ano de 2011, tendo em vista a categoria já amargar três anos sem reajuste em seus vencimentos.

Ao ouvir tal solicitação e as explicações do senhor coronel Brambila sobre esses assuntos, o mesmo franqueou a palavra aos presidentes das associações para que externassem suas propostas e fizessem suas considerações acerca desses dois assuntos.

O Sgt Izanil chefe de gabinete do Deputado Aylton Gomes sugeriu uma audiência pública na câmara distrital para discutir esses dois assuntos com os integrantes das duas corporações, o Coronel Abud presidente da Ass. Representativa dos Oficiais do Corpo de Bombeiros deu como sugestão todo reajuste concedido aos policiais civis seja repassado para os policiais como valores absolutos, ou seja, se for dado por exemplo R$600,00 para um agente inicial, que seja passado este mesmo valor para nossos soldados, deste modo não tiraria a diferença salarial, mais em contrapartida, não aumentaria a diferença salarial entre os dois seguimentos da segurança pública.

Coronel Sérgio presidente da associação dos oficiais da PM, informou ao mesmo que todos os seguimentos das duas corporações do praça mais moderno ao oficial mais antigo, estão todos unidos e que apesar de sermos uma tropa disciplinada a situação está chegando a tal ponto que está ficando insustentável o descaso do governo com a PM e Bombeiros.

O representante da comissão das Praças SD Myles, informou que uma das principais proposta a ser defendida na reestruturação é a promoção independente de vagas, conforme promessa do governador a tropa quando ainda era candidato ao governo do Distrito Federal.

St. Ricardo (Pato) presidente da ASS/ARMILC, voltou a defender a proposta de reajuste de 17% imediatamente para as duas categorias, para reposição das perdas salariais de 2009, 2010 e 2011, o adiantamento das parcelas do risco de morte como também foi promessa do então candidato Agnelo ao governo local, e por último, o encaminhamento da reestruturação da lei 12086 após ser debatida com todas as entidades representativas das duas categorias e feitas as alterações cabíveis que venham melhorar a vida de nossos policiais e bombeiros, caso seja necessário, logo após encaminhar juntamente com a proposta do reajuste da polícia civil para o governo federal, aplicando os mesmos percentuais remuneratórios aos nossos militares. O St Ricardo (Pat), também falou para o secretário que todos os seguimentos do funcionalismo público do Distrito Federal tiveram seus salários reajustados e uns sendo pagos com o dinheiro do fundo constitucional, que foi uma lei conseguida pela segurança pública para custeio de nossos salários e manutenção de nossos quartéis e equipamentos de trabalhos, e ao reivindicarmos nossos reajustes sempre dizem que não tem dinheiro, sendo de uma incoerência descabida dizer que não tem dinheiro para custear os salários dos verdadeiros donos do dinheiro do fundo, enquanto reajustam os salários dos outros seguimentos do funcionalismo público com nosso dinheiro.

Após ouvir a todos, o secretário falou que representava o governo e que a partir daquele momento seria nosso interlocutor, e que levará nossas demandas para o governador, falou ainda que as portas da secretaria de segurança estarão sempre abertas para receber nossas reivindicações, desde que seja agendado, por ter uma agenda muito extensa. 

Neste momento o ST Ricardo (Pato) solicitou ao mesmo que fosse distribuída uma cópia do projeto deixado pelo deputado Patrício para que todos começassem a debater, foi então que tivemos duas surpresas:

Primeira, que um dos coronéis presentes falou que não aceitaria um reajuste linear como está previsto no projeto, ou seja, os coronéis deixou a entender que já sabiam do teor da proposta, e as entidades representativa das praças não tinham conhecimento, foi quando o secretário mandou tirar cópia da proposta para ser distribuída, aí veio a segunda surpresa, o documento não pode ser entregue porque estava com carimbo de reservado, foi quando o João de Deus falou: “que absurdo! um documento que diz respeito a categoria com carimbo de reservado, mais que os oficiais tinham conhecimento do teor, eu não acredito nisso.” Neste momento o secretário falou que já havia sido entregue uma cópia aos dois comandantes gerais e dado um prazo de dez dias para serem feitas as alterações, ou seja, o projeto da reestruturação já estava na fase de conclusão e sequer teríamos acesso ao documento.

6 comentários:

  1. Como sempre estou me sentindo tal cachorro sem dono.

    ResponderExcluir
  2. APÓS ANALISAR OS VIDEOS DO PATRÍCIO, FICA CLARO O DESRESPEITO DESSE PARLAMENTAR COM OS POLICIAIS MILITARES DO DF. ESSE CARA FOI ELEITO PELA TROPA PARA DEFENDER NOSSOS INTERESSES, E AGORA TRABALHA POR INTERESSES ESCUSOS, MOSTRANDO QUE É APENAS UM PAU MANDADO DO GOVERNO.
    VIROU ESPECIALISTA EM MENTIR, ENROLA AS COMISSÕES NA MAIOR CARA DURA. ANTES ELE NÃO LEVANTAVA O TOM CONTRA PRAÇAS,AGORA NOS AMEAÇA A FAZER MOVIMENTO COMO SE ELE QUISESSE QUALQUER MOBILIZAÇÃO.
    ESSE GOVERNO DE COBRAS CEGAS É UMA BOSTA MESMO. E AS COMISSÕES AINDA ACREDITAM NAS PALAVRAS DESSE FANFARRÃO. NÃO COMEÇEMOS AGORA A MOSTRAR A NOSSA FORÇA E VEREMOS A MIGALHA QUE IREMOS TER.

    ResponderExcluir
  3. Realmente não se enganem, como já disse um companheiro, não somos prioridade para este governo. Sempre vale a pena reviver o passado para evitarmos o mesmo erro no futuro, por isso sugiro que revisitem os endereços http://www.youtube.com/watch?v=4r1iBbZ45Zc, http://www.youtube.com/watch?v=yP8FuBV4NZ4&feature=related,
    http://www.youtube.com/watch?v=QmsLNg5Seto&feature=related,
    http://www.youtube.com/watch?v=zeztlxMzrrY&feature=related,
    http://www.youtube.com/watch?v=4fUABiov_Hw&feature=related

    Esse aqui é um dos meus preferidos: http://www.youtube.com/watch?v=72wail5zGIw&NR=1, ele mostra bem a diferença entre falar que é e realmente ser um verdadeiro defensor (temos falta de homens dessa estatura).
    Ass.: Antigão do tempo do talabarte.

    ResponderExcluir
  4. Aos Colegas do Blog.

    Eu sou uma praça, como nós somos(a grande maioria);

    Estou respondendo aquelas "velhas sindicâcias"

    Que não vai dar em nada, que eu já cansei de responder.

    Simplesmente por fazer uso daquele art. 5 "in vesbis" CF88
    IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    ResponderExcluir
  5. companheiros nao se iludam com fraquinho deputado, ele agora ja faz parte de outro seguimento, daremos nossa respostas nas proximas eleicoes.

    ResponderExcluir
  6. eu,Luiz Tagliaferro,agora que estou sabendo o quanto fui idiota de trabalhar tanto pela PMDF,hoje tenho pressão ,atrite,diabético e ultimamente sofri uma intervirão cirúrgica tive um infarto e tive que colocar duas ponte de safena e uma mamaria tudo isso era porque eu realmente vestia a camisa da PMDF,os Oficiais e Cabo e Sargento mas antigos mim conhece eu tinha hora para entrar no AR mais não tinha horas de sair e o que foi o que eu ganhei um sute de coturno na bunda não vale apena trabalhar tanto vamos relaxar mais e trabalhar menos ok

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa ser interpretado como crime militar ou comum. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.