Análise de cenários. Leiam e tirem suas conclusões!!! - BLOG DO HALK

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Análise de cenários. Leiam e tirem suas conclusões!!!



Crédito: Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press
CRÉDITO: ANA RAYSSA/ESP. CB/D.A PRESS

À queima-roupa: Benito Tiezzi, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepo-DF)


Como está a negociação da Polícia Civil com o governador Rodrigo Rollemberg sobre o reajuste reivindicado pela categoria?
O canal está aberto. Mas não há garantia ainda de manutenção da nossa isonomia com a Polícia Federal. É uma isonomia histórica, no amor e na dor. Por causa dela, passamos a ser o nono ou décimo lugar em termos de salário no país. O arrocho foi tão grande que ficamos para trás. A nossa capacidade de compra se esvaziou. Hoje ganhamos menos que outras carreiras jurídicas e, no momento em que há um aumento para a PF, não podemos deixar de ter também. Seria uma perda ainda maior.

Como pagar um reajuste salarial se o governo alega crise financeira?
O governador não disse que não vai pagar. Prometeu voltar a conversar em 15 dias, mas o que nos preocupou foi a falta de garantia de isonomia com a Polícia Federal. Isso é histórico.

O argumento da falta de recursos sensibiliza a classe?
Em hipótese alguma, até porque a primeira parcela do reajuste é para 2017 e temos uma estimativa de aumento de 8% do Fundo Constitucional no próximo ano. Na campanha, o governador garantiu que manteria a isonomia. Nenhum governador cogitou tirar.

Quando foi o último reajuste da classe?
Foi em 3 parcelas de 5%, em 2011, 2012 e 2013. Todos os servidores do GDF foram reajustados depois disso. Nós ficamos para trás.

O clima é de greve?
A assembleia vai decidir. Mas a sensação na categoria é péssima. A Polícia Civil está em polvorosa. Nós não deixamos de fazer o nosso trabalho, que é de excelência, fundamental, mas a sensação é de que não somos prioridade.

Quando a Polícia Civil faz greve um serviço essencial é paralisado. Não é um risco de acabar perdendo o apoio da população?
Fazer greve é péssimo. Os delegados não entram na paralisação. Mas os agentes param e isso compromete o trabalho. Ninguém quer greve. Por isso, tomara que o governador entenda nossa situação. Os servidores estão desestimulados por conta da questão salarial. O superendividamento é assustador.

E o auxílio-moradia? O Tribunal de Justiça do DF considerou inconstitucional a emenda à Lei Orgânica do DF que criou o benefício. A categoria vai desistir?
O nosso foco é o salário. Vamos discutir o auxílio-moradia mais para frente. Nosso deficit é de 50%. Esse aumento só vai diminuir o deficit. É uma questão de dignidade. Foi uma derrota para a Polícia Civil, mas um combustível explosivo para buscarmos nosso reajuste salarial.
Fonte: CorreioWeb

10 comentários:

  1. Sinceramente não entendi o sentido dessa postagem.

    Esse blog é pra tratar problemas da PMDF ou PCDF?

    Ou será que não bastam as disputas internas e ainda querem acirrar os ânimos com outras categorias?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como a PCDF tem direito de recompor suas perdas salarias baseadas na isonomia histórica com o DPF, os comandantes da PMDF/CBMDF tem a obrigação de lutar por recomposição salarial de seus integrantes, os quais, de forma abnegada se matam de trabalhar diariamente por uma segurança pública decente para população do DF. PCDF e PMDF/CBMDF são as melhores policias do Brasil e reconhecidas como algumas das melhores do mundo. Governador, não seja MENTIROSO e nem TOLO ao negar o reajuste aos policiais. Não faça como o imbecil do josé panetone e seu comparsa agnulo que encerraram suas carreiras politicas ao virar as costas para as policias do DF. Acordos com empresários e políticos corruptos para desviar OS RECURSOS DA PCDF/PMDF/CBMDF com obras picaretas e corruptas não serão admitidos. O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA É SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA E SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO...O DINHEIRO DA SEGURANÇA PUBLICA E SAGRADO...SAGRADO....SAGRADO.

      Excluir
    2. Assino em baixo.
      Os blogs quando estão sem assunto sempre ressuscitam as brigas internas e externas.

      Excluir
  2. O policial militar não consegue brigar por melhorias por mérito proprio. Impressionante. Vira e meche querem se comparar com outras carreiras. PCDF é PCDF, PMDF é PMDF. Querem igualdade ok, comecem abdicando de contribuição menor pro INSS, deixando de ganhar o que ganham quando aposentam e abdicando do plano e saúde pago pela corporação.

    ResponderExcluir
  3. A grama do vizinho sempre é mais verde...kkkk

    ResponderExcluir
  4. Penso que tanto a PC e a PM e os BM devem receber o reajuste concedido pela União, pois somos mantidos pelo fundo constitucional e dessa forma, não entra na lei de responsabilidade fiscal como o governador tem alegado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok, mas qdo o GDF der reajuste a seus servidores com dinheiro do tesouro do DF não venham chorar aumento

      Excluir
  5. LEI DE RESPONSABILIDADE FISCAL

    LEI COMPLEMENTAR 101/2000

    Art. 19. (...):

    § 1o Na verificação do atendimento dos limites definidos neste artigo, não serão computadas as despesas:

    V - com pessoal, do Distrito Federal e dos Estados do Amapá e Roraima, custeadas com recursos transferidos pela União na forma dos incisos XIII e XIV do art. 21 da Constituição e do art. 31 da Emenda Constitucional no 19;

    ResponderExcluir
  6. Também não entendi o sentido dessa publicação.

    ResponderExcluir
  7. Até os cargos comissionados mantidos indiretamente pelo fundo constitucional vão receber aumento. Porquê as Polícias, legitimamente mantidas não vão? Arrebente-se essa caixa preta.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa ser interpretado como crime militar ou comum. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial